História é a alma do negócio

CD Alma do negócio2Quase todo mundo está vendendo alguma coisa. Ou tentando convencer os clientes a comprar seu produto, apresentar sua empresa a investidores, motivar funcionários ou convencer seu adolescente a lavar a louça do domingo, seu sucesso será ditado pela sua capacidade de influenciar, persuadir e “fechar a venda”. E contar histórias é sem dúvida a ferramenta mais poderosa.

Uma das boas lições que aprendi foi durante uma viagem que fiz com minha esposa a Dubai. Eu estava na loja de presentes do aeroporto, procurando lembranças de última hora e pensava em comprar dois ímãs de geladeira que não custariam mais do que 5 dólares cada. A loja tinha uma enorme variedade. Eles eram todos muito bobinho e eu estava quase desistindo.

Então notei um ímã que parecia barato. Era um pedaço quadrado de madeira e na frente, havia um símbolo pintado de vermelho, que parecia uma estrela desenhada por uma criança.

“O que é isso?”, Perguntei a balconista.

“Ah, este é um símbolo mágico para os guerreiros do deserto!”, Disse ela.

Se aproximou, diminuiu a voz e começou a me contar que, o deserto era castigado por tempestades de areia terríveis e com ondas de calor escaldante, o que tornava a vida no deserto muito perigosa e desgastante. Para isso, os guerreiros do deserto, de uma tribo muito peculiar, usavam este símbolo mágico nas suas caravanas para os proteger dos perigos e trazer boa sorte e proteção para suas viagens.

“Quanto custa?”, Perguntei.

“10 dólares”.

Comprei cinco deles.

Se você pensar bem, o que aconteceu nessa transação foi mágico. Antes que a funcionária me contasse a história sobre os bárbaros do deserto, o ímã não valia nada. Depois que ela me contou a história, que mesclava elementos de história, religião e aventura exótica, o pedacinho de madeira tinha tanto significado que eu precisava compra-lo – pagando com prazer um preço premium que dobrou meu orçamento.

E quando eu presenteava meus amigos, eu também contava essa história para que eles soubessem que eu não estava dando a eles um pedaço de madeira barato, mas uma personificação da magia e bênção dos bárbaros guerreiros do deserto de Dubai.

Mágico não?!

A história é a alma do negócio.

Claudio Diogo www.storyselling.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *